segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Conheça todos os benefícios do ovo

às 16:52

O ovo é uma fonte de proteína e outros 13 nutrientes essenciais. Seus benefícios são inúmeros – o necessário, como em todo alimento, é comer com moderação.

Nutrientes
Ácido fólico, ferro, zinco, proteína, fósforo, manganês, potássio… A lista é enorme. A presença especial está na colina, que faz parte das vitaminas do complexo B. “Ela atua na redução da absorção do colesterol ruim e além de tudo pode reduzir a fadiga muscular”, explica a nutricionista Rúbia Gomes Maciel.

A sua gordura saturada, apontada como alta, não é nada além do “normal”. “Apenas 37,4% das gorduras do ovo são consideradas ruins. Outros 46% são das monoinsaturadas, que estão presentes, por exemplo, no azeite de oliva, além de ter a poli-insaturada, como o ômega 3 e 6”, aponta a nutricionista Daísa Pinhal.

Engorda ou emagrece?
O ovo, em média, tem 77 kcal em sua forma cozida na água. Já o frito em óleo, tem o seu valor calórico em 128 kcal e a sua gordura aumenta em 40%. Assim, dá para ver que ele não é um tremendo vilão – o ideal é sempre preferi-lo na forma cozida. “Na verdade, pela sua alta porcentagem de gorduras monoinsaturadas, ele pode até ajudar a emagrecer. Isso porque elas ajudam a queimar as insaturadas, que são difíceis de eliminar”, acrescenta Daísa. Mas, também por esse motivo de ter muita gordura, fique atenta à quantidade. “Caso a mulher tenha uma dieta balanceada, ela pode comer um ovo cozido por dia”, completa Daísa.

Ideal para a corredora
Por ser uma ótima fonte de proteína, o ovo é item indispensável para quem busca a definição. “Além disso, ela ajuda no bom funcionamento do cérebro e na saúde dos olhos”, lembra Rúbia. A proteína está na forma de albumina – presente, basicamente, na clara. “Por exemplo, quem faz esporte pode consumir duas claras de ovo cozidas após o treino para ajudar na recuperação muscular”, indica Daísa.

Clara x gema
Na clara é encontrada a, já citada, albumina. ”Quase metade das proteínas do ovo estão na clara”, diz Daísa. Também, nela não há nenhuma quantidade de gordura – ela é uma fonte de proteína pura.

Já a gema, além da proteína, contém o ômega 3, colina, ácido fólico e minerais. “Todos eles são muito importantes para um correto funcionamento do organismo”, alerta Rúbia.

Fonte: Sua corrida
Imagem: Chickenvet

0 comentários:

Postar um comentário

 

Passaparola | Copyright © 2012 | Criação - Pronúncia